PLANTAS ORNAMENTAIS TÓXICAS EM ESCOLAS DE ENSINO FUNDAMENTAL NO MUNICÍPIO DE ALTAMIRA, PARÁ

Autores

  • Dhyene Rayne Santos
  • Maristela Silva

Palavras-chave:

Araceae, Espécies Tóxica, Intoxicação

Resumo

As plantas ornamentais trazem a sensação de bem-estar e que embelezam os ambientes, entretanto, por trás dessa beleza pode existir na sua constituição química, elementos tóxicos à espécie humana e animais. Este estudo tem como objetivo realizar um levantamento a respeito de plantas ornamentais tóxicas presentes em escolas no município de Altamira, Pará. A pesquisa foi realizada em Abril de 2016 em 20 escolas públicas de ensino fundamental que representa 53% do total de escolas urbanas. Com o levantamento realizado observou-se que 70% dos estabelecimentos apresentaram plantas tóxicas. Nas escolas foram identificadas 15 espécies tóxicas, destacando-se entre as mais abundantes as espécies conhecidas popularmente como comigo-ninguém-pode (Dieffenbachia picta Schott.) e tinhorão (Caladium bicolor Vent.) pertencentes à família Araceae.

Downloads

Publicado

2020-03-30

Como Citar

Santos, D. R. ., & Silva, M. . (2020). PLANTAS ORNAMENTAIS TÓXICAS EM ESCOLAS DE ENSINO FUNDAMENTAL NO MUNICÍPIO DE ALTAMIRA, PARÁ. ENCICLOPEDIA BIOSFERA, 17(31). Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/86