PERFIL EPIDEMIOLÓGICO DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA CONTRA A MULHER NO ESTADO DE MINAS GERAIS – ESTUDO DE CASO

Autores

  • Clarice Silva
  • Doralice Fagundes
  • Everildes Fernandes
  • Suely Rodrigues
  • Leonardo Silva

Palavras-chave:

Políticas Públicas, Violência Contra as Mulheres, Violência Doméstica

Resumo

A violência doméstica no Brasil, assim como em todo o mundo, se tornou problema de segurança e saúde pública. Dessa forma, merece destaque entre as preocupações dos trabalhadores de saúde. Diante disso, o objetivo do presente estudo foi caracterizar o perfil epidemiológico dos casos de violência doméstica no estado de Minas Gerais no período de 2019 a 2021. Para tal, foi desenvolvido um estudo epidemiológico observacional, descritivo com recorte transversal utilizando uma abordagem quantitativa com uso de fontes secundárias. Utilizou-se como instrumento de coleta de dados a ficha de notificação de violência do VIVA, presente no SINAN. Para análise dos dados foi realizada estatística descritiva com uso do Software R® . Os resultados demonstraram maior frequência de mulheres que possuíam o ensino médio completo (20,4%), idade entre 20 e 29 anos (26,3%), pardas e pretas (59,6%), heterossexuais (96,7%) e dividindo-se de forma igual entre solteiras e casadas (37,7%). Em relação ao meio de violência, o mais frequente foi a força corporal/espancamento (46,8%). Observou-se que 34,3% dos casos são de autoagressão. Quanto ao relacionamento com o autor da agressão identificou ser o cônjuge (21,8%). Conclui-se que, o perfil dos casos de violência se caracteriza por ocorrer em mulheres com até 11 anos de estudo, consideradas adultas jovens, heterossexuais e do grupo negro. A manifestação mais frequente de violência foi o espancamento, sendo o companheiro o agressor. A identificação do perfil epidemiológico da violência pode contribuir para a construção de políticas públicas mais específicas e direcionadas para os grupos vulneráveis.

Downloads

Publicado

2023-09-28

Como Citar

Silva, C. ., Fagundes, D. ., Fernandes, E. ., Rodrigues, S. ., & Silva, L. . (2023). PERFIL EPIDEMIOLÓGICO DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA CONTRA A MULHER NO ESTADO DE MINAS GERAIS – ESTUDO DE CASO . ENCICLOPEDIA BIOSFERA, 20(45), 181-194. Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/5695

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)