A CÓRNEA E AS CERATITES ULCERATIVAS EM CÃES: UMA REVISÃO DA ANATOMIA, ETIOPATOGENIA E DIAGNÓSTICO

Autores

  • Thaissa Lobo
  • Anna Rosa Sant’Anna
  • Andre Fayad
  • Aline Maria Lima

Palavras-chave:

Cão, corneana, patogênese, úlcera

Resumo

A córnea é um tecido da túnica fibrosa do bulbo ocular, e suas características
morfológicas a tornam o principal meio refrativo do olho, contribuindo sobremaneira com
a acuidade visual. Por esse motivo as doenças da córnea ganham grande relevância na
oftalmologia e, dentre as ceratopatias mais comuns na clínica de cães, a ceratite
ulcerativa se destaca, sendo considerada como uma emergência oftálmica e uma causa
de cegueira. As causas da ceratite ulcerativa em cães são variadas, mas ganham
destaque os traumas e os distúrbios do filme lacrimal; sendo os cães braquicefálicos os
mais comumente acometidos. A partir da desepitelização corneana, a ação de
metaloproteinases endógenas e exógenas contribuem para a progressão da
enfermidade, a qual se manifesta por meio de sinais clínicos como hiperemia
conjuntival, blefarospasmo, alteração da coloração e da curvatura corneana. O
diagnóstico se baseia na identificação e na classificação da ceratite ulcerativa, assim
como na causa base do desenvolvimento da doença. O conhecimento dos aspectos
básicos envolvidos com o desenvolvimento e diagnóstico das ceratites ulcerativas em
cães possibilita ao médico veterinário a tomada de decisões terapêuticas mais efetivas
para o controle da doença. Diante do exposto, o objetivo desta revisão foi descrever os
aspectos morfológicos da córnea e apresentar os elementos envolvidos com a
epidemiologia, etiologia e fisiopatogenia das ceratites ulcerativas em cães; assim como
as técnicas mais comumente utilizadas para o diagnóstico e classificação desta
enfermidade.

Downloads

Publicado

2021-06-30

Como Citar

Lobo, T. ., Sant’Anna, A. R. ., Fayad, A. ., & Lima, A. M. (2021). A CÓRNEA E AS CERATITES ULCERATIVAS EM CÃES: UMA REVISÃO DA ANATOMIA, ETIOPATOGENIA E DIAGNÓSTICO. ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, 18(36). Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/5251

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>