DSTs: PERCEPÇÃO DOS ESTUDANTES DA ESCOLA SÃO VICENTE DE PAULA, EXU-PE

Autores

  • Symony Moreira
  • Pedro Pereira
  • Andréia Brito
  • Antonia Eliene Duarte
  • Luiz Barros

Palavras-chave:

estudantes, Doenças Sexualmente Transmissíveis, prevenção

Resumo

A adolescência é um momento de diversas transformações, cujas mudanças
introduzem o inicio da vida sexual. A sexualidade constitui uma das dimensões do
ser humano que envolve diversos aspectos, sobretudo o reprodutivo e emocional.
Objetivou-se com este estudo analisar o conhecimento dos adolescentes sobre
sexualidade, métodos contraceptivos e doenças sexualmente transmissíveis.
Considerando que muitos dos adolescentes da Escola São Vicente de Paula, já são
pais, sendo assim, já contraíram ou podem vir a contrair algum tipo de Doença
Sexualmente Transmissível (DST). Realizou-se um levantamento bibliográfico,
visitas e aplicação de um questionário contendo perguntas relacionadas a doenças
sexualmente transmissíveis. Os estudantes afirmam conhecer informações acerca
das DST’s, bem como a grande importância de usar métodos preventivos.
Entretanto observa-se contradição no que se refere as suas práticas. Torna-se
necessária a intervenção dos profissionais da saúde, articuladas com a escola e
principalmente com família proporcionando conversas, palestras e reflexões
contemplando os temas Sexualidade e Saúde Reprodutiva.

Downloads

Publicado

2012-11-30

Como Citar

Moreira, S. ., Pereira, P. ., Brito, A., Duarte, A. E. ., & Barros, L. . (2012). DSTs: PERCEPÇÃO DOS ESTUDANTES DA ESCOLA SÃO VICENTE DE PAULA, EXU-PE. ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, 8(15). Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/3771