UTILIZAÇÃO DO 2-OCTIL-CIANOACRILATO NA OVARIECTOMIA DE COELHAS, COMPARATIVAMENTE AO FIO DE NÁILON: ANÁLISE DE TEMPO E ALTERAÇÕES MACROSCÓPICAS

Autores

  • Cynthia Bueno
  • Sofia Cerejo
  • Marina Miguel
  • Leandro Franco
  • Cristiane Honsho

Palavras-chave:

adesivo cirúrgico, castração, síntese, sutura

Resumo

O desenvolvimento de programas de esterilização em massa implicam na adoção de
procedimentos cirúrgicos de baixo custo, rápida execução e boa recuperação pósoperatória. Com isso, o propósito desse estudo foi avaliar a exequibilidade da
aplicação do adesivo cirúrgico, 2-octil-cianoacrilato na hemostasia do pedículo
ovariano de coelhas e na justaposição da musculatura e pele, como alternativa à
utilização de fio de sutura de náilon para campanhas de castração de cadelas e
gatas. Foram compostos dois grupos com dez coelhas cada, no primeiro grupo, GN
ou grupo náilon, utilizou-se fio de náilon para a hemostasia do pedículo, fechamento
da musculatura e pele; no segundo grupo, GO ou grupo 2-octil-cianoacrilato, utilizouse o 2-octil-cianoacrilato como alternativa ao fio de náilon. Os tempos despendidos
foram demarcados entre o início (incisão da pele) e o término do procedimento
(fechamento completo da pele); assim como os tempos de ligadura ou hemostasia
do pedículo, fechamento da musculatura e pele. A ferida cirúrgica foi inspecionada
em cinco animais de cada grupo, durante sete e 14 dias, após o procedimento
cirúrgico. A eutanásia foi realizada em igual número de animais decorridos sete e 14
dias. Após a eutanásia, a cavidade abdominal foi inspecionada quanto à presença
de aderências e processo inflamatório do útero e dos pedículos remanescentes. Em
GO, verificou-se a ocorrência de 60% de aderências, 10% de eventração e 20% de
efusão livre na cavidade aos sete dias de avaliação e, aos 14 dias, 40% de
aderência, 10% de líquido na cavidade e nenhum caso de eventração foi observado.
Em GN, nenhuma ocorrência foi encontrada aos 7 dias e, aos 14 dias, encontrou-se
10% de aderências e 10% de efusão na cavidade. Conclui-se que o 2-octilcianoacrilato mostrou-se eficaz na oclusão dos vasos do pedículo ovariano, na
justaposição da musculatura e pele, comparativamente ao fio de náilon, apesar da
alta ocorrência de aderências e o maior tempo cirúrgico dispendido.

Downloads

Publicado

2012-11-30

Como Citar

Bueno, C. ., Cerejo, S. ., Miguel, M. ., Franco, L. ., & Honsho, C. . (2012). UTILIZAÇÃO DO 2-OCTIL-CIANOACRILATO NA OVARIECTOMIA DE COELHAS, COMPARATIVAMENTE AO FIO DE NÁILON: ANÁLISE DE TEMPO E ALTERAÇÕES MACROSCÓPICAS . ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, 8(15). Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/3733

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>