SUPERAÇÃO DE DORMÊNCIA EM SEMENTES DE MESSLINA (Melissa officinalis L.)

Autores

  • Filipe Bonfim
  • Maira Christina Fonseca
  • Vicente Wagner Casali
  • Juliana Freitas
  • Ricardo Sousa

Palavras-chave:

Melissa officinalis, dormência, propagação sexuada

Resumo

Considerando o processo de propagação da Melissa officinalis, diversos autores
afirmam que a mesma pode ser multiplicada por estaquia e semente, no entanto as
sementes encontradas no mercado brasileiro são importadas, apresentando problemas na
germinação, muitas vezes decorrentes da existência de dormência. Assim, objetivou-se
neste estudo verificar o efeito de diferentes tratamentos na superação de dormência de
sementes de melissa (Melissa officinalis). O delineamento estatístico utilizado foi
inteiramente casualizado, com sete tratamentos e quatro repetições, sendo cada unidade
experimental composta por 50 sementes. Os tratamentos testados foram os seguintes: 1-
Testemunha (sem tratamento), 2- Imersão em água destilada (25°C) por 24 horas, 3-
Imersão em água destilada (25°C) por 48 horas, 4- I mersão em ácido sulfúrico por 5
minutos, 5- Imersão em ácido acético por 2 horas, 6- Imersão em água aquecida (65°C)
por 2 horas e 7- Imersão em água gelada (5°C) por 2 horas. Após os tratamentos, as
sementes de melissa foram colocadas em câmara de germinação, em caixas gerbox com
papel germitest previamente umedecidos com 8 mL de água destilada, mantidas a 25°C,
fotoperíodo de 16 horas luz e 8 horas escuro, durante 14 dias. As variáveis avaliadas
foram: porcentagem de germinação, índice de velocidade de germinação e comprimento
de raiz. O tratamento de imersão em água (25°C) por 48 horas favoreceu a germinação, o
índice de velocidade de germinação e o comprimento de radícula de sementes de
melissa.

Downloads

Publicado

2012-11-30

Como Citar

Bonfim, F. ., Fonseca, M. C. ., Casali, V. W. ., Freitas, J., & Sousa, R. . (2012). SUPERAÇÃO DE DORMÊNCIA EM SEMENTES DE MESSLINA (Melissa officinalis L.) . ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, 8(15). Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/3727

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)