CARACTERIZAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA DO LEITE CRU DO MUNICÍPIO DE IMPERATRIZ-MA

Autores

  • Paulo Victor Sales
  • Ana Claudia Costa
  • Victor Hugo Sales
  • Elisa Maria Oliveira
  • Patrícia Suelene Gobira

Palavras-chave:

Análise, Composição, Qualidade

Resumo

O conhecimento da composição do leite é essencial para a determinação de sua
qualidade, sendo que os parâmetros de qualidade são cada vez mais utilizados para
detecção de falhas nas práticas de manejo, servindo como referência na valorização
da matéria-prima. Neste sentido o presente trabalho teve como objetivo avaliar a
qualidade físico-química de diferentes produtores de leite no entorno do município
de Imperatriz-MA. Foi analisada a acidez titulável Dornic, densidade relativa à 15ºC,
teor de gordura, teor de proteína, extrato seco total e desengordurado e realizado o
teste de redução do azul de metileno para estimar a população bacteriana do leite.
Os dados obtidos foram analisados por intermédio de estatística descritiva e após,
comparados aos padrões oficiais estabelecidos pela legislação. Verificou- se que a
maioria das propriedades apresentou resultados dentro do permitido da legislação.
As propriedades D, F e H apresentaram as maiores médias de gordura, sendo que a
propriedade H obteve a maior média de Extrato Seco Total e Extrato Seco
Desengordurado. As propriedades A e B apresentaram maior grau de contaminação
pelo teste de redutase e teores de proteína abaixo do permitido da legislação, no
entanto apresentaram acidez Dornic satisfatório, indicando uma possível fraude por
aguagem ou substancia alcalina.

Downloads

Publicado

2012-11-30

Como Citar

Sales, P. V. ., Costa, A. C. ., Sales, V. H. ., Oliveira, E. M. ., & Gobira, P. S. . (2012). CARACTERIZAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA DO LEITE CRU DO MUNICÍPIO DE IMPERATRIZ-MA. ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, 8(15). Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/3614