EFEITO DE DIFERENTES ADUBOS NPK NO PROCESSO DE PRODUÇÃO DE MUDAS DE EUCALIPTO

Autores

  • Camilla Muniz
  • Lucas Lôbo
  • Fernanda Fernandes
  • Evaldo Ferreira
  • Eliana Paula Brasil

Palavras-chave:

Eucalyptus camaldulensis, mudas, fertilizante NPK convencional, Osmocote

Resumo

O presente estudo teve como objetivo avaliar o crescimento de mudas de
Eucalyptus camaldulensis em resposta a diferentes fertilizantes NPK. O trabalho foi
realizado em casa de vegetação, localizada no Viveiro Ipê na cidade de Goiânia-GO,
entre os meses de dezembro de 2012 e março de 2013. As mudas foram cultivadas
em substrato comercial. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado com
três tratamentos, constituídos por dois fertilizantes NPK, Osmocote 19-06-10 e NPK
convencional 03-26-05, e a testemunha (sem adição de fertilizante). Para cada
tratamento foram usadas 10 repetições com cinco plantas cada. Aos 120 dias após a
emergência foram avaliados o comprimento das raízes, a altura, o diâmetro do colo,
a massa seca da parte aérea, a massa seca do sistema radicular e a razão da
massa seca das raízes pela massa seca da parte aérea. Verificou-se que as plantas
responderam de maneira distinta aos tratamentos e que os melhores resultados
foram obtidos com o uso do Osmocote.

Downloads

Publicado

2013-12-01

Como Citar

Muniz, C. ., Lôbo, L. ., Fernandes, F. ., Ferreira, E. ., & Brasil, E. P. (2013). EFEITO DE DIFERENTES ADUBOS NPK NO PROCESSO DE PRODUÇÃO DE MUDAS DE EUCALIPTO. ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, 9(17). Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/3098

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

<< < 1 2