TURISMO E CONDIÇÕES METEOROLÓGICAS: O PAPEL DO CLIMA SOBRE A DEMANDA DE VISITAÇÃO EM UM ATRATIVO TURÍSTICO DE CURITIBA, BRASIL

Autores

  • Raquel Silva
  • Daniela Biondi

Palavras-chave:

Áreas verdes, Curitiba, Jardim Botânico, Visitação

Resumo

A relação entre clima e turismo pode ser expressa na dependência de condições
climáticas adequadas para que algumas atividades turísticas possam ser realizadas
com sucesso, especialmente aquelas realizadas em espaços abertos. Considerando
que os principais atrativos turísticos da cidade de Curitiba são áreas verdes, e, portanto,
espaços abertos, o objetivo deste artigo foi analisar a influência do clima na demanda
de visitação do atrativo turístico mais visitado da cidade, o Jardim Botânico. Para tal as
metodologias utilizadas foram pesquisa bibliográfica e aplicação de questionário
composto por perguntas relacionadas à idade, ao gênero, ao nível de escolaridade, e a
região geográfica de procedência dos visitantes. A aplicação do questionário ocorreu
durante duas semanas nos meses de maio, julho, outubro e dezembro de 2011, sendo
que cada um destes meses representaram uma estação do ano, com intuito de verificar
alterações no perfil da demanda entre uma estação e outra, bem como analisar a
influência do clima no turismo, a partir dos dados referentes às variáveis meteorológicas
precipitação e temperatura disponibilizados pelo Sistema Meteorológico do Paraná
(SIMEPAR). Os resultados apontaram diversas variáveis no perfil do usuário, com
destaque para uma maior quantidade de usuários provenientes de outros estados
brasileiros na estação inverno.

Downloads

Publicado

2014-07-01

Como Citar

Silva, R. ., & Biondi, D. . (2014). TURISMO E CONDIÇÕES METEOROLÓGICAS: O PAPEL DO CLIMA SOBRE A DEMANDA DE VISITAÇÃO EM UM ATRATIVO TURÍSTICO DE CURITIBA, BRASIL . ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, 10(18). Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/2981

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>