SOCIEDADE, NATUREZA E DESENVOLVIMENTO: UMA RELAÇÃO EM CONSTRUÇÃO

Autores

  • Elenice Carregosa
  • Sandra Lúcia Silva
  • José Pedro Kunhavalik

Palavras-chave:

Equilíbrio ambiental, equidade social, movimento ambientalista

Resumo

A crise ambiental e sociocultural vivenciada pela sociedade contemporânea
constitui-se em uma situação limite para o equilíbrio do planeta. Esse quadro de
insustentabilidade é consequência do desequilíbrio produzido pelo estilo de vida da
sociedade moderna, que decorre do tipo de desenvolvimento econômico e do tipo de
racionalidade envolvida, cartesiana particularista. Nesse contexto, a reflexão sobre
as relações historicamente construídas entre sociedade e natureza, bem como as
novas possibilidades que se desenham a partir da contribuição do movimento
ambientalista, pode contribuir para a compreensão de que o que foi socialmente
construído pode ser socialmente transformado, sendo possível, portanto, o
estabelecimento de relações mais harmônicas entre o homem e a natureza e a
construção de modos de vida mais equitativos.

Downloads

Publicado

2014-07-01

Como Citar

Carregosa, E. ., Silva, S. L. ., & Kunhavalik, J. P. . (2014). SOCIEDADE, NATUREZA E DESENVOLVIMENTO: UMA RELAÇÃO EM CONSTRUÇÃO. ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, 10(18). Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/2980

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 > >>