FRATURAS EXPOSTAS EM PEQUENOS ANIMAIS

Autores

  • Rodrigo Horta
  • Cleuza Maria Rezende

Palavras-chave:

Cães, dispositivos de fixação ortopédica, gatos, ortopedia, osteomielite

Resumo

As fraturas expostas são caracterizadas pela existência de comunicação entre o
local da fratura e o meio externo. Apresentam elevada incidência em cães e gatos,
principalmente nas extremidades distais dos membros, nas quais existe uma
escassez de cobertura pelos tecidos moles. A contaminação e infecção dos tecidos
favorecem a ocorrência de complicações, com destaque para o retardo na
consolidação, não-união e osteomielite. O objetivo desse trabalho foi realizar uma
revisão sobre as fraturas expostas em cães e gatos, abordando a classificação e as
condutas relacionadas ao tratamento dessas afecções.

Downloads

Publicado

2014-07-01

Como Citar

Horta, R. ., & Rezende, C. M. (2014). FRATURAS EXPOSTAS EM PEQUENOS ANIMAIS. ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, 10(18). Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/2794