AVALIAÇÃO DO ENFOQUE GEOESTATÍSTICO APLICADO A VARIÁVEIS CLIMÁTICAS

Autores

  • Lara Melo
  • Ana Paula Corte
  • Carlos Roberto Sanquetta

Palavras-chave:

geotecnolgia, Modelagem espacial, mudanças climáticas

Resumo

Considerando a alta vulnerabilidade da sociedade frente à dinâmica da natureza
torna-se necessário entender o comportamento dos fenômenos do clima, bem como,
prever a ocorrência dos mesmos. Assim, o objetivo dessa pesquisa é apresentar o
cenário dos trabalhos científicos que relacionam o uso da geoestatistica na previsão,
análise, estimativa e compreensão do comportamento de variáveis climáticas no
Brasil, visando entender o estado da arte dessa contextualização. O enfoque foi
dado a 20 trabalhos científicos, buscando entender como são conduzidos e
avaliados os estudos nessa temática. Diante da observação conjunta dos trabalhos,
foi possível notar que a variável mais bem estudada é a precipitação, e a krigagem é
o método geoestatístico mais usado nos estudos considerando as variáveis
climáticas. A maioria dos trabalhos utilizaram séries históricas obtidas junto a
instituições governamentais ligadas a pesquisas meteorológicas. Conclui-se sobre a
importância em tratar os dados antes da utilização do método geoestatístico, bem
como de realizar a validação dos resultados, garantindo assim a qualidade da
informação a ser divulgada. Salienta-se ainda a necessidade de ampliar a
participação da região amazônica brasileira nesses estudos. A geoestatistica é
imprescindível ao desenvolvimento da predição, estimativa, geração de cenários e
zoneamento do clima.

Downloads

Publicado

2014-07-01

Como Citar

Melo, L. ., Corte, A. P., & Sanquetta, C. R. . (2014). AVALIAÇÃO DO ENFOQUE GEOESTATÍSTICO APLICADO A VARIÁVEIS CLIMÁTICAS . ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, 10(18). Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/2687

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 6 > >>