ANALISE SENSORIAL DE LEITE UHT EM GRUPO: UMA NOVA FORMA DE AVALIAR A QUALIDADE E VIDA DE PRATELEIRA NO SETOR DE LÁCTEOS

Autores

  • Graziela Paludo
  • Karyne Coelho

Palavras-chave:

Aceitação, Avaliação, Longa Vida, Qualidade

Resumo

O consumo de leite UHT ou UAT (Ultra Alta Temperatura) tem aumentado nos
últimos anos. Este alimento oferece muitas vantagens do ponto de vista do
consumidor, especialmente, por possuir prazo de validade de três a quatro meses
sem refrigeração. Assim sendo, o presente trabalho foi proposto com o objetivo de
avaliar sensorialmente, em forma de grupo as produções de leite UHT após 24 horas
de seu envase e ao final de 120 dias, ou seja, no final de sua vida de prateleira. Para
tanto, foram analisadas 300 amostras de leite UHT, utilizando-se uma escala
hedônica estruturada com cinco pontos. Os resultados obtidos foram submetidos à
análise de variância e teste de Tukey a 5% para comparação das médias. Observouse que o período de armazenamento teve um efeito negativo, sobre os seguintes
atributos: aroma, aspecto geral, consistência e sabor. Por meio do perfil sensorial
conclui-se que o teste em grupo foi eficaz no controle de qualidade do leite UHT, e
que o armazenamento por 120 dias, afetou as características gerais da amostra.

Downloads

Publicado

2014-07-01

Como Citar

Paludo, G. ., & Coelho, K. . (2014). ANALISE SENSORIAL DE LEITE UHT EM GRUPO: UMA NOVA FORMA DE AVALIAR A QUALIDADE E VIDA DE PRATELEIRA NO SETOR DE LÁCTEOS. ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, 10(18). Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/2663