ANÁLISE QUANTI-QUALITATIVA DAS ESPÉCIES ARBÓREAS PRESENTES NO PARQUE RELIGIOSO CRUZ DA MENINA, PATOS/PB

Autores

  • Camila Nóbrega
  • Patrícia Souto
  • Luan Henrique Araújo
  • Ane Cristine Silva
  • Marília Gabriela Pinto

Palavras-chave:

aspecto físico-sanitário, indivíduos arbóreos, qualidade ambiental

Resumo

Objetivou-se analisar as condições do Parque Religioso Cruz da Menina, na cidade
de Patos e gerar percentual de cobertura vegetal. A coleta de dados foi realizada
avaliando-se e identificando-se apenas os indivíduos arbóreos. A avaliação
quantitativa foi feita através da contagem e identificação dos indivíduos. Foram
realizadas medições de circunferência à altura do peito (CAP), altura total (H) e
diâmetro de copa (DC). Na avaliação qualitativa as espécies foram classificadas
quanto ao aspecto físico-sanitário e o porte. O percentual de cobertura vegetal
(PCV) calculado em função da superfície total da área. Foram identificados 158
indivíduos arbóreos, distribuídos em 16 espécies. A maior parte dos indivíduos
apresentaram aspectos físico-sanitários bons. O parque apresentou média qualidade
ambiental, devido à sua grande extensão e pequena área de copas. Assim, concluiuse que, a diversidade das espécies deve ser aumentada, principalmente com a
implantação de espécies nativas. Notou-se que houve tendência à homogeneidade
devido à predominância da espécie Prosopis juliflora. Recomenda-se aumentar a
área de cobertura vegetal do Parque.

Downloads

Publicado

2014-07-01

Como Citar

Nóbrega, C. ., Souto, P. ., Araújo, L. H. ., Silva, A. C. ., & Pinto, M. G. . (2014). ANÁLISE QUANTI-QUALITATIVA DAS ESPÉCIES ARBÓREAS PRESENTES NO PARQUE RELIGIOSO CRUZ DA MENINA, PATOS/PB. ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, 10(18). Recuperado de https://conhecer.org.br/ojs/index.php/biosfera/article/view/2662

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)